O que acontecia se os homens acidentalmente vissem as mulheres nuas no período medieval?

O que acontecia se os homens acidentalmente vissem as mulheres nuas no período medieval?

 

É bastante interessante pensarmos em como a vida, as regras sociais, os costumes e até mesmo as religiões já foram diferentes do que temos hoje. Como seria se tele transportar para a Idade Média por exemplo? Saberíamos aproveitar de nossos conhecimentos atuais, ou de nada adiantaria?

 

Bom, a repostas correta e precisa nós jamais saberemos, mas ainda sim podemos especular tudo o que quisermos sobre esse universo tão diferente do nosso que existiu no passado. E exatamente por isso, e claro, por sermos extremamente curiosos, nós aqui da Fatos, levantamos essa questão: Afinal, o que aconteceria se um homem visse mesmo que acidentalmente uma mulher nua no período medieval?

 

Bem, e para começarmos, temos que ressaltar que estamos criando uma suposição baseada nos estudos e históricos dessa época, porque é óbvio que cada caso é um caso. Por exemplo, em diferentes lugares do mundo essa reação sem dúvida alguma iria variar, e não é só isso, a classe social, religião, cultura e uma série de outros fatores também influenciariam no que poderia acontecer.

 






1

 

 

Mas para conseguirmos chegar em uma resposta mais precisa, vamos nos limitar a visão de Idade Média que possuímos hoje, que nada mais é do que a Europa naquele período.

 

Pois bem, agora que já nos delimitamos, podemos levantar algumas questões que nos levaram a essa resposta. Primeiramente, todos nós sabemos que o cristianismo, mais precisamente a vertente católica era dominante naquela época, e os costumes e a moral do povo eram praticamente moldados e conduzidos através desses princípios.

 

A igreja por outro lado, não compactuava com o casamento forçado, mesmo assim era bastante comum ocorrer um casamento por um desses dois motivos: O primeiro era o casamento com o objetivo de preservar a riqueza, formar alianças estratégicas e impedir a guerra, esse tipo de matrimonio ocorria entre os nobres, visto que os camponeses não estavam envolvidos nessas questões diplomáticas. O segundo tipo de casamento, é esse que conhecemos e acreditamos hoje: o casamento por amor. Que naquela época significava demonstrar publicamente para toda a comunidade que agora vocês formavam um casal, e estavam juntos.

 

 

Mas porque estamos falando tanto sobre os casamentos daquele período? Bem, entendendo como funcionava o matrimonio, uma coisa podemos deduzir e descartar: Caso um homem visse uma mulher nua, eles em hipótese alguma seriam obrigados a se casar!

 

Agora a grande questão que poderia pesar era o fato da mulher em questão ser ou não uma nobre, caso fosse, e o homem que a viu nua, fosse por acaso um camponês, ele poderia sofrer uma punição por imprudência. Essa punição poderia ser determinada pelos homens da família da moça, mas que na grande maioria das vezes, era uma demorada ‘surra’.

 

2

 

Essa questão, também evidencia todo o patriarcado que era imposto na época (e ainda hoje), visto que se a situação se invertesse, e a moça em questão fosse uma camponesa, e o homem que a observou um nobre, nada aconteceria com ele. Pelo contrário, isso até ocorria com uma certa frequência.

 

Pensem bem, se em pleno o século XXI, ainda é comum encontrarmos pessoas muito pobres em países subdesenvolvidos, que mal tem condições de se vestir, imaginem só naquela época? A nudez fazia parte da vida entre os pobres e camponeses, principalmente fora dos burgos, nas zonas rurais. Então nada ocorreria se a situação se invertesse!